Julio Fante, Presidente do Centro Empresarial - Gestão 1992/1993


Dando continuidade às entrevistas com os ex-presidentes da entidade, nesta semana a coluna prestigia Julio Fante, que também já atuou a frente do Rotary Club, Clube Independente e Associação Gaúcha de Vinicultores (AGAVI). O diretor-presidente da Fante Indústria de Bebidas e atual presidente do Instituto Brasileiro do Vinho (IBRAVIN) acredita que o comportamento de um líder e os valores que ele transmite são fundamentais para dar credibilidade e confiança a qualquer trabalho realizado. Conheça um pouco mais do empresário que liderou o Centro Empresarial no período de 1992/1993.

 

CENTRO EMPRESARIAL: O Senhor foi presidente do Centro Empresarial no período de 1992/93. Qual foi o principal desafio? E conquista?

JF: Após a formação, organização e estruturação dada pelo Moacir Guarese, ficamos com a responsabilidade da continuidade, do crescimento e da consolidação da entidade. Esta consolidação veio com o início do projeto de construção da sede atual, onde com o apoio do prefeito e da Câmara de Vereadores da época tornamos realidade este desafio.  A construção deu solidez aos objetivos e permitiu planejar a longo prazo.

 

CE: Como o senhor avalia o processo de amadurecimento da entidade?

JF: O objetivo principal do Centro Empresarial sempre foi atender as necessidades dos associados. Com o passar dos anos a entidade foi constando e sanando estas necessidades, transmitindo segurança e confiança ao associado.

 

CE: Nestes 22 anos, qual a ação que o senhor considera a mais importante?

JF:Toda e qualquer ação é importante, mas considero de extrema relevância a formação e capacitação profissional.

 

CE: Que conselho o senhor daria aos jovens para uma carreira de sucesso?

JF: A formação intelectual e técnica são indispensáveis a qualquer profissional. Quero salientar que independentemente das pressões do dia a dia, dos momentos econômicos, das ações sofridas é fundamental para o sucesso, que o profissional mantenha seus princípios de ética, respeito às coisas e principalmente respeito às pessoas.

 

CE: O que é mais importante para quem está na liderança, o comportamento e os valores ou o conhecimento técnico?

JF: Em minha opinião o comportamento do líder e os valores que ele transmite são fundamentais para dar credibilidade e confiança ao trabalho.

 

CE: Qual a sua opinião sobre o uso de redes sociais nas empresas?

JF: As redes sociais na Internet são ferramentas cada vez mais populares. Seu grande benefício é agilizar e facilitar os processos de negócios. Se utilizadas de maneira correta trazem vantagens competitivas a empresa, mas pela velocidade das informações transmitidas podem destruir uma marca ou um produto em um período de tempo muito curto. O uso de redes requer conhecimento e certos cuidados.

 

CE: Muitas empresas temem investir em sustentabilidade por considerarem "custo" e não "investimento". Qual a sua visão sobre esse Comportamento?

JF: A adoção pela empresa de ações de sustentabilidade, não só garante um futuro melhor para o planeta, como também, capitaliza uma imagem positiva para a empresa e agrega de forma indireta valor aos produtos produzidos por esta. Um excelente investimento.

                                                                                             

Último livro que leu: MARKETING 3.0  - Philip Kotler

Restaurante:  Escola de Gastronomia UCS-ICIF

Frase preferida: O plantio é opcional a colheita é obrigatória

                           

 




FILIADO A: